Durante fiscalização, vereadores flagram uma série de irregularidades no matadouro público de Pedras de Fogo

Os vereadores Jailson do Casadinho e Nelson da Una, da cidade de Pedras de Fogo, visitaram o matadouro público do município nesta sexta-feira (22), e constataram uma série de irregularidades no local, que é responsável pelo abastecimento de carne da região.

Após receberem uma série de denúncias, os parlamentares realizaram uma fiscalização na tarde de ontem e constataram, in loco, as irregularidades denunciadas por usuários e frequentadores do equipamento, que é administrado pela prefeitura.

Após a visita, Jailson fez um relato da realidade que encontrou no matadouro.

“O que vimos hoje é uma situação de completo descaso da gestão municipal com um setor tão importante e que é responsável pelo abastecimento da carne que alimenta a nossa população. Banheiro em condições precárias, o bebedouro onde os funcionários tomam água sujo e sem condições de uso, oferecendo perigo à saúde dos que consomem aquela água, não tem copos descartáveis, o copo é uma garrafa pet cortada ao meio onde todo mundo faz uso,  a serra para o corte do boi é manual, não é elétrica, funcionários sem máscaras trabalhando na limpeza e no corte do boi. Ao lavar as mãos, a água da pia escorre para um balde porque não tem encanação. O problema é sério”, afirmou o vereador.

Os vereadores ainda denunciam a falta de sabão e álcool para a higiene pessoal dos funcionários em tempos de pandemia.

Jailson ainda disse que o administrador estava ausente o tempo que esteve no local e revelou outra grave situação no matadouro. Segundo ele, os bois estão sendo mortos com marreta, o que é terminantemente proibido pelas normas sanitárias.

“Voltaram a matar o boi com marreta, o que é proibido, mas estão matando o boi em Pedras de Fogo na marretada”, denunciou.

Após a fiscalização, os vereadores farão um relatório da visita e encaminharão as denúncias com fotos e vídeos para a Agência Estadual e Vigilância Sanitária – Agevisa.

Confira imagens da inspeção feita no matadouro nesta manhã:

News Paraíba

Comentários