Inácio Falcão revela ainda ser cedo para tratar de eleição majoritária em Campina

Apesar de realizarem uma convenção neste final de semana onde a cúpula estadual do PCdoB esteve reunida na capital, para começarem os estudos sobre viabilidade eleitorais nestas eleições municipais na Paraíba. O pré-candidato a prefeito de Campina Grande o deputado estadual Inácio Falcão disse em entrevista que ainda é cedo para confirmar sua pretensão na disputa eleitoral. As homologações das candidaturas pelos partidos vai ser no dia 05 de agosto, prazo esse final para as convenções partidárias.

Segundo o PBAgora, provocado sobre o assunto Inácio, disse considerar cedo para tratar de eleição municipal e, sobretudo, de candidatura majoritária. Seu partido faz parte da base aliada do governo que dispõe de outros concorrentes também já citados, e mais concorrentes ainda no plano geral já que Campina Grande já desponta como o município com maior número de pré-candidatos à prefeitura municipal. Inácio está no segundo mandato e foi vice-presidente da Assembleia Legislativa no primeiro, e começou sua atuação política nos tempos de estudante da UEPB.

Até o momento existe além de Inácio, as seguintes pré-candidaturas lançadas pela oposição a secretária de Articulação Municipal do Estado – também 1ª suplente de deputada federal –Ana Cláudia Vital do Rêgo (Podemos), o secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros (PSB), e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Gustavo Feliciano (PDT). Também integram a relação o vereador Olímpio Oliveira (MDB), o empresário Artur Bolinha (PSL) e o ex-deputado Walter Brito Neto (MDB).

Pela situação, seriam pré-candidados o secretário municipal de Planejamento e deputado licenciado, Tovar Correia Lima (PSDB); o chefe de Gabinete da prefeitura e ex-deputado estadual, Bruno Cunha Lima (sem partido); o ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB), o empresário Dalton Gadelha (PSC), e o secretário municipal de Ciência e Tecnologia, suplente de vereador, Lucas Ribeiro (Progressistas).

Comentários