Claro
Escuro

‘Queria morrer’, diz Luísa Sonza sobre ataques de ódio nas redes

Nesta quarta-feira, 11, Luísa Sonza foi a convidada do programa Saia Justa, no GNT. A cantora falou sobre os comentários de ódio recebidos por ela nas redes sociais que começaram quando tinha 16 anos e postava vídeos de cover no YouTube.

- Continua depois da Publicidade -

De lá para cá, a intensidade dos ataques foram aumentando e ela chegou ao limite. “Não sabia mais o que fazer, minha mente não aguentava mais. Terapia, remédios, não faziam efeito. Queria morrer.”

Com a retomada das atividades na pandemia, Luísa contou que viu esse ódio presencialmente. “Entrei no avião e as pessoas me xingavam. Aluguei um barco no meio do mar e as pessoas me xingavam. Passavam de jet ski me xingando.”

De acordo com o MSN, tudo isso acabou gerando nela crises de pânico e ansiedade. Em um momento, quando estava pegando um voo para uma gravação, ela precisou pedir para descer.

“Entrei no avião e o homem colocou uma mala preta do meu lado. E foi para o fundo do avião. Achei que o cara ia me matar. Tive uma crise que me impediu de andar. A aeromoça me ajudou e eu não consegui fazer a viagem, tive uma crise de pânico.”

Ela também criou um trauma em relação ao celular. Para gravar o Saia Justa, ela precisou deixar o aparelho guardado e longe.

“Tenho pânico do celular. Ele não pode vibrar e logo acho que é algum problema, alguma crise. Se estivesse com o celular não conseguiria fazer o programa.”

Foto: Reprodução

Mais Lidas

Vítor Hugo confirma Calcinha Preta e Zé Vaqueiro como atrações principais do Arraiá do Litoral 2022, em Cabedelo

O Arraiá do Litoral em Cabedelo volta a animar a Praça Getúlio Vargas após dois anos sem ser realizado de forma presencial,...

Prefeitos do Sertão recepcionam João Azevêdo e reforçam apoio à reeleição do governador

Prefeitos do Sertão da Paraíba reafirmaram, nesta quinta-feira (19), o apoio à pré-candidatura à reeleição do governador João Azevêdo (PSB). Dentre os...

Em nota, Cícero Medeiros explica reforma da Câmara de Santa Rita e lamenta obra parada: “Minha vida pública sempre foi um livro aberto” 

Em nota aos santarritenses, emitida na tarde desta quinta-feira (19), o presidente da Câmara Municipal de Santa Rita, Cícero Medeiros, explicou os...

BOMBA: Reginaldo Pereira acusa empresa de oferecer propina de R$ 15 milhões mais dinheiro para reeleição para privatizar água de Santa Rita; veja video

A declaração foi dada durante participação no programa Arapuan Verdade, da Arapuan FM, desta quarta-feira(18). O ex-prefeito de Santa...

Vítor Hugo anuncia construção do Centro de Convenções de Cabedelo

A noite de encerramento do Festival de Teatro e Dança foi palco de uma grande surpresa esperada há tempos pelos cabedelenses.