Claro
Escuro

Rússia bombardeia fábrica nos arredores de Kiev e anuncia novos ataques na capital ucraniana; veja imagens

Duas semanas após retirar suas tropas de toda a região de Kiev e concentrar ataques na região leste da Ucrânia, a Rússia voltou a bombardear os arredores da capital ucraniana nesta sexta-feira (15) e anunciou uma nova ofensiva em toda a área. Durante a madrugada, explosões foram ouvidas nos arredores da cidade, e há pontos sem internet.

Detalhe de prédio que teve a fachada derrubada após bombardeio russo a uma fábrica de mísseis nesta madrugada — Foto: Fadel Senna/ AFP
- Continua depois da Publicidade -

Detalhe de prédio que teve a fachada derrubada após bombardeio russo a uma fábrica de mísseis nesta madrugada — Foto: Fadel Senna/ AFP

O Ministério também anunciou nesta sexta-feira (15) que “o número e a frequência de ataques com mísseis a instalações em Kiev aumentará”, em resposta ao que Moscou chama de “sabotagem de forças ucranianas em território russo”.

De acordo com o g1, o Ministério da Defesa russo afirmou ter atacado com mísseis de cruzeiro uma fábrica de mísseis que fica no complexo militar e industrial de Vizar, em Vyshneve, no subúrbio de Kiev. O ataque aconteceu durante a madrugada, quando moradores da capital afirmaram ter ouvido explosões.

Fachada de prédio no subúrbio de Kiev veio abaixo por impacto de bombardeio russo a fábrica de mísseis próxima ao local — Foto: Fadel Senna/ AFP

Fachada de prédio no subúrbio de Kiev veio abaixo por impacto de bombardeio russo a fábrica de mísseis próxima ao local — Foto: Fadel Senna/ AFP

O anúncio acontece um dia depois de um dos maiores e mais famosos navios russos, o Moskva, ter afundado. Kiev afirma ter atingido a embarcação com ataques a míssil. Moscou nega e alega que um acidente com munições próprias danificaram o navio.

Oficialmente, o governo russo alega que o anúncio da escalada de ataques em Kiev é uma represália a recentes ataques de forças ucranianas ao território russo. Nesta sexta-feira (15), a Ucrânia atacou mais de 20 prédios e uma escola em um vilarejo no sudeste da Rússia próximo à fronteira, segundo a agência de notícias russa Tass. Na quinta-feira (14), o governo da cidade russa de Belgorod, a 40 quilômetros da fronteira, afirmou que tropas ucranianas também fizeram ataques na região.

Loja nos arredores de Kiev afetada por bombardeio com mísseis de cruzeiro que a Rússia alega ter lançando nesta madrugada — Foto: Herbert Villarraga/ Reuters

Loja nos arredores de Kiev afetada por bombardeio com mísseis de cruzeiro que a Rússia alega ter lançando nesta madrugada — Foto: Herbert Villarraga/ Reuters https://ed0d5752004898c75b2d0aad73f8ef2e.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Kiev ainda não se posicionou sobre as acusações.

A ofensiva pode abrir uma nova fase na guerra, que já dura mais de 50 dias e havia se concentrado no leste do país e na cidade de Mariupol, no sul. Na cidade portuária, que a Rússia tenta tomar o controle, o Ministério da Defesa russo afirmou também que tomou completamente o controle de uma das principais siderúrgicas da cidade.

Navio atacado

De importante valor simbólico e conhecido como “assassino de porta-aviões”, o Moskva era o maior navio russo no Mar Negro, e tinha mísseis de longa distância capaz de atacar a costa e até aviões, além de radar de defesa de toda a frota.

Foto: Fadel Senna/ AFP

Mais Lidas

OITO ANOS INELEGÍVEL: Câmara de Cabedelo reprova contas do ex-prefeito Leto Viana

Em sessão realizada na noite desta terça-feira (09), a Câmara Municipal de Cabedelo acompanhou o parecer do TCE-PB e reprovou as contas...

Profissionais do HNSN participam do Congresso Internacional de Cardiologia Rede D’Or, em SP

Aconteceu entre os dias 5 e 6 deste mês o Congresso Internacional de Cardiologia Rede D’Or. O evento, realizado em São Paulo,...

Ao lado de Alckmin, João Azevêdo tem candidatura à reeleição homologada diante de multidão, em João Pessoa

A população paraibana mostrou que está firme, forte e junta ao governador João Azevêdo (PSB), que teve sua candidatura à reeleição homologada...

Efraim comemora aniversário da capital paraibana. “Um orgulho imenso ser filho de João Pessoa” 

Dia 5 de agosto é um dia histórico, quando se comemora o aniversário de uma das cidades mais antigas do país. Conhecida...

Luciene declara apoio à reeleição de João Azevêdo e destaca união de forças pelo bem de Bayeux

A prefeita de Bayeux, quarta maior cidade da Paraíba, Luciene de Fofinho (PDT), declarou, nesta sexta-feira (5), apoio à pré-candidatura à reeleição...