Claro
Escuro

Tonga vira ilha coberta por cinzas após o que pode ser a maior erupção de vulcão no mundo em 30 anos

ientistias analisam os dados iniciais sobre a erupção do vulcão submarino Hunga Tonga-Hunga Ha’Apai que ocorreu em Tonga, na Ásia, no último sábado (15). De acordo com os primeiros estudos, esse seria o fenômeno mais violento do tipo dos últimos 30 anos, desde a erupção do Monte Pinatubo, nas Filipinas.

- Continua depois da Publicidade -

Segundo o MSN, ao menos cinco pessoas morreram em decorrência da erupção do vulcão Hunga Tonga-Hunga Ha’Apai, que durou cerca de oito minutos mas teve proporções devastadoras. O fenômeno provocou um tsunami que foi responsável pela morte de duas pessoas no Peru, a milhares de quilômetros de distância.

Países que têm costa no Oceano Pacífico, como Estados Unidos, Chile e Japão, emitiram alertas por conta das fortes ondas.

Entre os mortos, está a ativista Angela Glover, uma britânica de 50 anos que vivia no país insular cuidando de uma ONG de proteção aos animais. Ela morreu ao tentar salvar os bichinhos que protegia.

A erupção produziu uma coluna de fumaça e cinzas de mais de 20km de altura e 260km de diâmetro. As comunicações na região estão complexas e ainda é difícil definir a extensão da destruição e do número de vítimas.

O vulcão é formado pela união de duas ilhas, Hunga Tonga e Hunga Ha’Apai, que ficam a cerca de 65km da capital do país, Nuku’alofa. A maior porção de sua formação fica abaixo do mar, por cerca de 1,8 mil metros de comprimento e 20km de largura. Acima das águas, ele se estende por somente 100m.

Em 2015, o vulcão havia entrado em erupção, mas expelindo magma e vapor em proporções muito menores que a deste ano.

‘Besuntado de Tonga’ faz campanha para ajudar atingidos

O atleta olímpico Pita Taufatofua, conhecido como “o besuntado de Tonga” por suas aparições como porta-bandeira do país nos Jogos do Rio 2016 e Tóquio 2020, tem feito campanhas de arrecadação para as famílias vítimas do tsunami. Ele, que também é embaixador do Unicef, já conseguiu mais de US$ 450 mil, valor equivalente a R$ 1,8 milhão.

Pita está sem notícias do pai desde que a erupção aconteceu. Em entrevista a veículos de imprensa, ele contou que seu pai, tinha acabado de ser nomeado governador de Ha’Apai, viajou para Tongatapu alguns dias antes da erupção para a abertura do Parlamento.

A nuvem de poeira formada pela erupção impediu que ele retornasse para casa em Ha’Apai. Foi aí que o tsunami aconteceu.

Foto: Veronica Raner

Mais Lidas

Vítor Hugo confirma Calcinha Preta e Zé Vaqueiro como atrações principais do Arraiá do Litoral 2022, em Cabedelo

O Arraiá do Litoral em Cabedelo volta a animar a Praça Getúlio Vargas após dois anos sem ser realizado de forma presencial,...

Prefeitos do Sertão recepcionam João Azevêdo e reforçam apoio à reeleição do governador

Prefeitos do Sertão da Paraíba reafirmaram, nesta quinta-feira (19), o apoio à pré-candidatura à reeleição do governador João Azevêdo (PSB). Dentre os...

Em nota, Cícero Medeiros explica reforma da Câmara de Santa Rita e lamenta obra parada: “Minha vida pública sempre foi um livro aberto” 

Em nota aos santarritenses, emitida na tarde desta quinta-feira (19), o presidente da Câmara Municipal de Santa Rita, Cícero Medeiros, explicou os...

BOMBA: Reginaldo Pereira acusa empresa de oferecer propina de R$ 15 milhões mais dinheiro para reeleição para privatizar água de Santa Rita; veja video

A declaração foi dada durante participação no programa Arapuan Verdade, da Arapuan FM, desta quarta-feira(18). O ex-prefeito de Santa...

Vítor Hugo anuncia construção do Centro de Convenções de Cabedelo

A noite de encerramento do Festival de Teatro e Dança foi palco de uma grande surpresa esperada há tempos pelos cabedelenses.