Claro
Escuro

Disparada de preços: etanol e gasolina estão entre principais altas em 12 meses; veja 50 itens que mais subiram

O bolso do consumidor não vê trégua: a inflação voltou a subir em outubro, e chegou a 10,67% em 12 meses, a maior taxa desde janeiro de 2016, quando foi de 10,71%, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

- Continua depois da Publicidade -

Os principais vilões da alta – sem nenhuma surpresa – foram os combustíveis, que subiram, todos eles, mais de 40%. No caso do etanol, a alta chegou a quase 70%.

Segundo o G1, também pesaram nas contas os gastos dentro de casa: além da disparada dos preços dos alimentos, subiram forte também a energia elétrica, o gás de cozinha e o gás encanado.

Veja abaixo as principais altas no acumulado em 12 meses até outubro.

IPCA - maiores altas em 12 meses — Foto: Economia g1

IPCA – maiores altas em 12 meses — Foto: Economia g1

Foto: Fábio Rossi

Mais Lidas

Vitor Hugo garante pagamento do piso nacional para a Educação de Cabedelo

Os profissionais da Educação da cidade de Cabedelo, na Região Metropolitana da Capital, já têm motivo pra comemorar neste início de ano.

Prefeito do PL também anuncia adesão à base política do governador João Azevêdo

O prefeito de Paulista, Valmar Arruda (PL), anunciou, nesta quarta-feira (26), sua adesão à base política do governador João Azevêdo. A decisão...

Bolsonaro autoriza aumento de 33% para piso de professores

O presidente Jair Bolsonaro autorizou o Ministério da Educação a conceder"máximo possível" de aumento para o piso de professores. De acordo com...

Justiça arquiva inquérito que citava ex-deputado da Paraíba em ‘Caixa 2’ da Odebrecht

Uma decisão da 16ª Vara da Justiça Federal na Paraíba determinou o arquivamento de um inquérito que apurava supostas doações feitas pela...

Hospital Metropolitano de Santa Rita, PB, atinge 100% de ocupação dos leitos de Covid-19

O Hospital Metropolitano de Santa Rita atingiu 100% de ocupação dos leitos de Covid-19. A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação...