AFundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc), através do projeto Painel Funesc, destaca os 50 anos do Movimento Armorial, nesta terça-feira (1º). O debate – com mediação do jornalista Jãmarrí Nogueira – terá como debatedores Xisto Medeiros, Rucker Bezerra, Bento Júnior e Suelma Moraes. O bate-papo acontece ao vivo, no canal da Funesc no YouTube (youtube.com/funescpbgov), e tem início às 19h.

Xisto Medeiros é professor da UFPB e integrante do Quinteto da Paraíba. Rucker Bezerra é professor da UFRN e membro do Quinteto Uirapuru. Bento Júnior é ator, diretor e cordelista, tendo sido premiado por encenação da peça ‘Auto da Compadecida’. Suelma Moraes é professora da UFPB e está à frente do Núcleo de Pesquisas e Estudos Brasileiros Ariano Suassuna – NUPAS.

O Movimento Armorial foi criado pelo paraibano Ariano Suassuna em 1970 e difundido inicialmente pelo Nordeste com produções artísticas da música, teatro, artes plásticas, dança e literatura. Ariano é autor de textos como ‘Auto da Compadecida’ (1955) e ‘A Pedra do Reino’ (1971). Ainda de ‘O santo e a porca’ e ‘O casamento suspeitoso’.

O ‘Painel Funesc’ estreou no dia 14 de julho e, desde então, já foram realizados 21 encontros virtuais. A proposta do projeto é levar ao público discussões sobre diferentes linguagens artísticas, além de assuntos relacionados à produção cultural paraibana. Os encontros ocorrem semanalmente, sempre às terças-feiras.

Foto: Reprodução Google.

Comentários