Xiaomi prepara celular com tela por todos os lados: na frente e atrás

A Xiaomi registrou a patente de um celular com duas telas, uma na frente e outra atrás do aparelho. Uma imagem no documento mostra um display colorido de grandes proporções logo abaixo da câmera principal do smartphone, ideal para se ver na hora de tirar uma selfie. Por conta dessa característica, não haveria necessidade de câmera frontal.

Segundo o TechTudo, a empresa entrou com o pedido de registro no Escritório de Patentes da China em julho de 2019 e obteve a aprovação na semana passada. A proposta é similar à do Nubia Z20, da ZTE, lançado em agosto de 2019 com um display secundário na traseira.

O documento não revela as especificações do celular. No entanto, a imagem sugere que a tela principal teria dimensões comuns aos celulares atuais, na casa de 6 polegadas ou superior. A traseira seria menor, porém não tão pequena como a de aparelhos como o Motorola Razr. O tamanho do display secundário sugere que o uso iria muito além de ver e controlar notificações.

Por ser colorido, o painel seria ideal para funcionar como visor da câmera principal. O recurso permitiria obter selfies de qualidade superior ao aproveitar o melhor sensor do celular. Outros smartphones do mercado, como o Zenfone 6 e o Galaxy A80, já oferecem algo similar sem a ajuda de tela traseira. No entanto, precisam girar a câmera por meio de mecanismos que a durabilidade ainda não pode ser testada a longo prazo.

Usar uma segunda tela para tirar selfies melhores nunca foi possível em celulares com tela dupla como YotaPhone, que trazia um display traseiro similar ao do leitor de livros digitais Kindle. Porém, um painel colorido coloca em dúvida a utilidade do sistema dualscreen da Xiaomi para além da fotografia, já que ele poderia não oferecer a mesma economia de energia nem conforto para leitura como o e-ink. Vale ressaltar que a patente não garante que um celular de duas telas da Xiaomi está no horizonte. Até o momento, a fabricante chinesa não revelou planos para, de fato, desenvolver um smartphone com essas características.

Foto: Reprodução Google.

Facebook Comments