Em 12 horas, João Pessoa registra mais chuva do que em todo o mês de janeiro

Segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), João Pessoa recebeu quase 40 milímetros de chuvas apenas nas primeiras horas desta quinta-feira (13).  O montante é maior do que o registrado em todo o mês de janeiro, que foi de 25,1 milímetros. A cidade é uma das quatro que mais registraram chuvas nesta quinta, ficando atrás apenas de Cruz do Espírito Santo, com 81,1 milímetros, Alhandra, com 58,0 milímetros e Pedras de Fogo, com 56,4 milímetros. 

Até então, a capital paraibana estava registrando volumes considerados baixos em comparação ao acumulado em anos anteriores, como por exemplo, no ano passado, quando foi a cidade campeã em volumes de chuvas em todo o estado. Só em 2019 foram registrados cerca de 2.117,0 milímetros somente em uma das estações de monitoramento da cidade, a estação DFAARA.

De acordo com Marle Bandeira, meteorologista da Aesa, a previsão é de que João Pessoa receba até 100 milímetros de chuvas durante o mês de fevereiro de 2020. Em janeiro, a capital registrou apenas 29,5 milímetros dos 80,1 milímetros previstos para o mês inteiro. Isso acontece, ainda de acordo com Marle Bandeira, pela localização do sistema meteorológico que tem atuado na ocorrência de chuvas na Paraíba.

Segundo o Jornal da Paraíba, a previsão da Aesa para o primeiro trimestre de 2020 era de chuvas acima da média em toda a Paraíba, e por conta do alto volume de previsto e registrado já no primeiro mês do ano, açudes como o Epitácio Pessoa, que abastece Campina Grande e outras 18 cidades, apresentaram aumentos significativos em seus volumes, e rios como o Taperoá, um dos afluentes do Boqueirão, encheram.

Ainda no mês passado, de acordo com a Aesa, as cinco cidades paraibanas onde foram registrados os maiores volumes de chuvas entre os dias 1º de janeiro e 1º de fevereiro estão localizadas no Sertão, Alto Sertão e no Cariri do estado. São elas:

Cajazeiras: 344,1 milímetros

Emas: 314,4 milímetros

Mãe D’Água: 306,2 milímetros

São João do Cariri: 288,8 milímetros

Teixeira: 276,2 milímetros

Previsão é de mais chuva

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu, na manhã desta quinta-feira (13), um alerta classificado como sendo de perigo potencial de chuvas para cerca de 127 municípios nas regiões do Litoral, Cariri, Agreste, Brejo, Seridó e Mata da Paraíba. O alerta, que inclui as cidades de João Pessoa e Campina Grande, é válido das 8h10 de hoje (13) e se estende até às 9h15 da sexta-feira (14).

De acordo com o Inmet, as chuvas devem ficar entre 20 e 30 mm por hora e até 50 mm por dia. A previsão também é de ventos intensos, de 40 a 60 km por hora, mas o risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores e alagamentos e descargas elétricas é baixo.

Foto: Felipe Lima

Comentários