Governo participa da segunda edição da campanha ‘Meu corpo não é sua folia’

A segunda edição da Campanha ‘Meu corpo não é sua folia’, voltada para conscientização da população paraibana sobre os crimes de importunação sexual (Lei nº 13.718/18) no período dos festejos de carnaval, será lançada oficialmente no dia 5 de fevereiro, na sede da PBTur, às 9h, em João Pessoa. O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana, Secretaria de Segurança Pública e Coordenadoria de Delegacias Especializada de Mulheres (Coordeam) integram a iniciativa das instituições que compõem a Rede Estadual de Atenção às Mulheres Vítimas de Violência da Paraíba (Reamcav).  

Nesta sexta-feira (17), a secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Lidia Moura, junto com a coordenadora da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça da Paraíba, juíza Graziela Queiroga, ao lado de outras representantes da Reamcav, participam de reunião para consolidar as ações e buscar parceiros a partir das 9h30, no escritório da Rede Nord Administração de Hoteis e Flats.  

Segundo Lídia Moura, as estratégias da campanha já foram definidas durante reunião neste mês, no Ministério Público da Paraíba, junto com representantes de órgãos do MPPB e outras entidades. “Estamos buscando fechar as parcerias com os blocos de carnaval e outros parceiros, como a própria Rede Nord, artistas e empreendedores. A ideia continua de termos um carnaval de respeito, com muita alegria, mas sem esquecer-se do respeito à mulher e ao desejo dela de dizer sim ou não”, afirmou.

A Campanha, cuja primeira edição aconteceu em 2019, tem por objetivo prevenir e incentivar a denúncia de crimes de importunação sexual e violência doméstica durante o Folia de Rua, em João Pessoa, e o Carnaval em todo o Estado. Outro propósito da iniciativa é divulgar o trabalho da Rede, assim como o serviço prestado pelas delegacias de Polícia Civil no enfrentamento aos crimes de importunação sexual e violência doméstica.

Comentários