Governo dá dez dias para Google firmar acordo em processo sobre privacidade

Segundo a Folha de S.Paulo, o governo deu prazo de dez dias ao Google, a partir desta quinta (9), para a empresa responder se quer firmar um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) com a Senacon (secretaria do consumidor ligada ao Ministério da Justiça). Seria um desfecho para o processo instaurado em fevereiro pela secretaria após denúncia do Ministério Público de suposta violação de privacidade em emails de brasileiros. Se condenado, o Google pode receber multa de até R$ 9,7 milhões.

Intimidade O processo resulta de uma ação civil pública de 2015, do Piauí, que investigava se a gigante de tecnologia poderia usar conteúdo de emails do Gmail para direcionar publicidade. O Google recebeu sentença favorável em 2018. Depois, o MPF recorreu e o caso está parado.

Outro lado Procurado, o Google diz que não comenta casos específicos em andamento. Em nota, afirma que não usa a informação disponível no Gmail para a personalização de anúncios desde 2017. “Estamos seguros de que nossos produtos estão de acordo com a legislação brasileira.”

Comentários